InícioCULTURAProjeto Realize com Pipoca: Sessão de cinema leva empoderamento a mais de...

Confira

Destaque

Projeto Realize com Pipoca: Sessão de cinema leva empoderamento a mais de 300 mulheres

Empoderar e proporcionar um momento de descontração, o projeto Realize com Pipoca aconteceu na manhã deste sábado (23) em Ceilândia. A iniciativa pioneira da Secretaria da Mulher levou cerca de 300 mulheres em situação de vulnerabilidade para uma sessão de cinema gratuita e momento de reflexão.

Em parceria com o JK Shopping, Cineflix e o Instituto BRB, o projeto, realizado em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, proporcionou às participantes não apenas um momento de lazer, mas também um espaço de aprendizado e motivação. Além da exibição do filme de comédia Os Farofeiros 2, o evento também contou com um momento de reflexão e aprofundamento sobre questões familiares e relações de amizade.

Segundo a secretária da Mulher, Giselle Ferreira, o ‘Realize com Pipoca foi mais do que uma simples sessão de cinema, foi uma experiência de fortalecimento e inspiração para as mais de 300 mulheres presentes. “Queremos mostrar um novo caminho, uma nova versão para a história dessas mulheres. Muitas nunca tiveram a oportunidade de vir ao cinema. Temos o compromisso de continuar promovendo iniciativas como essa, que contribuem para o empoderamento feminino e para a construção de uma sociedade mais igualitária”, disse.

Por meio da narrativa presente no filme, foram abordadas questões importantes ligadas à empregabilidade, empreendedorismo e desenvolvimento humano. A ideia foi construir aprendizados significativos que levem ao fortalecimento da ação rumo ao crescimento pessoal e à autonomia das mulheres.

Tereza Soares, agricultora e moradora da Comunidade Agroecológica José Wilker, que fica em Sobradinho, ressaltou a importância da ação para ela. “Essa é uma oportunidade valorosa para nós. Porque nós que somos de assentamento, estamos sempre dentro da roça, trabalhando, capinando, plantando. E a gente não tem essa oportunidade de sair de lá para poder ir ao cinema. Fico muito feliz por ser valorizada, ser lembrada, principalmente nesse mês, que é o mês da mulher”, disse.

As participantes contaram ainda com transporte até o local e pipoca para acompanhar o filme. A subsecretária de Promoção da Mulher, Renata D’aguiar, reforçou que essa primeira edição vai nortear as próximas. “Essas mulheres precisam de ações como essa, para se priorizarem, fortalecerem e recarregarem as baterias. Para que elas possam multiplicar cada vez mais o potencial que têm. Temos a certeza de que vamos conseguir levar esse apoio para muitas outras”, finalizou.

Tá bombando...