InícioDestaquesMeu protesto: Aos 75 anos, morre a cantora Rita Lee

Confira

Destaque

Meu protesto: Aos 75 anos, morre a cantora Rita Lee

Por Kleber Karpov

O país perde a genialidade e petulância da cantora Rita Lee, na noite de segunda-feira (8/Mai), aos 75 anos, resolveu embarcar para uma nova jornada e levar as experiências maravilhosas de ter vivido em um planeta como a Terra, mas com muitas ‘Folhas’ de ervas daninhas a serem banidas do planeta, a exemplo do preconceito, discriminação, apoio ao totalitarismo, a discriminação racial, a xenofobia, apoio a charlatanismo, descrédito à ciência e, principalmente, à hipocrisia, a serem arrancadas da árvore da vida.

A cantora, rebelde, que por meio da música, da arte e da cultura lá na década de 70, abria os olhos dos céticos, sobre a possibilidade de existência de vida em outros planetas. E, demonstrou a necessidade de o mundo tratar temas, a exemplo da discriminalização do uso de drogas, com a devida seriedade que o tema merece, seja em espectros da segurança pública, da medicina, sob as óticas política e sociais.

 Rita segue, bem a Lee, em um planeja em em uma nave espacial, a nos observar, para sempre.

Tá bombando...